Governo investe mais de R$ 11 milhões para recapear 23 vias de Corumbá

Campo Grande (MS) – Autorizada pelo governador Reinaldo Azambuja durante as festividades do aniversário de Corumbá, no dia 21 setembro, o processo licitatório para recapear 23 ruas do município teve o resultado de licitação divulgado no Diário Oficial do Estado (DOE) desta terça-feira (14.11).

Ao todo serão 273.489,06 m2, que receberão investimentos da ordem de R$ 11.013.785,88 milhões. O recapeamento vai beneficiar 102 quadras das ruas João Bosco da Mota, Rio Grande do Norte, Marechal Deodoro, Pernambuco, Edu Rocha, Luiz Feitosa Rodrigues, Dom Pedro II, Major Gama, São Paulo, 15 de Novembro, 13 de Junho, Cuiabá, Gabriel Vandoni de Barros, Delamare, Alan Kardec, Marechal Floriano, Oriental, Cáceres, Sargento Aquino, Nossa Senhora de Fátima, São Judas Tadeu; além das avenidas General Rondon e Rui Barbosa.

Para o secretário de Estado de Infraestrutura, Marcelo Miglioli, melhorar a infraestrutura de Mato Grosso do Sul é o investimento primordial do Governo do Estado. “Trabalhando para todos os 79 municípios e especialmente em Corumbá temos investimentos substanciais que já estão em andamento. Tão logo formalizarem os trâmites contratuais com a empresa vencedora dessa licitação, vamos dar ordem de início dessa obra”, diz.

Parceria para o desenvolvimento

Durante as comemorações do aniversário de Corumbá, uma parceria firmada entre o Governo do Estado e a Prefeitura vai garantir R$ 139 milhões em benefícios para o município.

São investimentos em saúde, reordenamento urbano, lazer, moradias e parques, além de obras de infraestrutura como a restauração de 40 quilômetros da MS-228, com investimentos de R$ 8,4 milhões; a pavimentação e drenagem da avenida Nossa Senhora das Mercês, que liga os municípios de Corumbá e Ladário, orçada em R$ 8,4 milhões e que irá beneficiar mais de 1,200 famílias no bairro Ernesto Sassida e quase R$ 3 milhões em melhorias no acesso ao distrito de Porto Esperança.

O Governo do Estado também tem investido pesado na questão do saneamento do município. Atualmente são R$ 89,3 milhões que representam um dos maiores investimentos em saneamento desde a criação do estado, há 40 anos.

Raquel Pereira – Secretaria de Estado de Infraestrutura (Seinfra)