Educação, infraestrutura e saúde estão entre os novos investimentos em Maracaju

Campo Grande (MS) –Perto de completar 94 anos de fundação, Maracaju recebe de presente uma série de investimentos do Governo do Estado nas mais diversas áreas. O governador Reinaldo Azambuja entregou e autorizou nesta sexta-feira (8.6) investimentos nas áreas de infraestrutura, saneamento, educação, saúde, cultura e habitação no Município.

Ele entregou a reforma e ampliação da EE Padre Constantino de Monte, integrante do Programa de Ensino Médio em Tempo Integral – Escola da Autoria. Na unidade foi investido R$ 1,1 milhão em parceria com o Fundo Nacional de Desenvolvimento de Educação (FNDE). Com 15 salas de aula, a escola de ensino médio atende 125 alunos.

As obras de reforma e ampliação contemplaram: troca de pisos, manutenção de esquadrias e troca de forro; intervenções na cobertura; fechamento lateral da quadra de esportes; reforma geral dos banheiros coletivos dos estudantes; adequação para acessibilidade no piso, nos balcões e pintura geral.

Reinaldo Azambuja destacou a importância do projeto pedagógico do modelo de educação em tempo integral implementado em Mato Grosso do Sul. “A gente fica muito feliz de ter aqui na Padre Constantino um dos melhores modelos de escola de tempo integral, que é a Escola de Autoria, um modelo inovador, um projeto que enfrenta algumas resistências para implantação, mas que eu não tenho dúvida do resultado do aprendizado dos jovens de tempo integral, que responde pela melhoria do ensino, que é o que todos nós buscamos”, afirmou.

“Fico muito feliz de ter no aniversário de Maracaju o Governo do Estado como parceiro, trazendo obras e melhorando a qualidade de vida das pessoas. Obrigado por este momento, governador, a sua administração não está ficando só no discurso. Estamos vendo o resultado na prática”, pontuou o prefeito Maurílio Azambuja.

Conforme a diretora da escola beneficiada, Rosane Jung, o estabelecimento educacional começou a funcionar em tempo integral em 2017 e é um dos mais antigos do município, possui 140 alunos e oferta o ensino médio e curso técnico em informática. “A escola estava muito necessitada de reforma. Agora, os alunos estão apaixonados e se sentem mais à vontade no ambiente escolar, com mais disposição para estudar. Agora, eles estão felizes da vida”.

Edirene Barbosa trabalha e tem um filho matriculado na escola.

A agente de limpeza Edirene Barbosa, 42 anos, trabalha na escola e tem um filho de 16 anos matriculado no local. “Meu filho sempre estudou em escola municipal e agora que entrou no ensino médio veio para a estadual. Ele está adorando, principalmente, o curso técnico em informática. Fico muito tranquila e realizada em saber que ele passa o dia aqui. Chega meio-dia, acaba meu expediente e vou embora. Mas sei que ele fica bem cuidado o dia todo, com almoço e merenda. Eu como mãe e funcionária digo que esse é o melhor lugar para nossos jovens. Eu trabalho no Estado há 22 anos e já vi algumas reformas nessa escola e em outras. Mas essa aqui é a maior e melhor, que tem maior destaque na minha opinião”.

Reinaldo Azambuja também deu ordem de início de serviço da reforma e ampliação da EE Manoel Ferreira Lima, no valor de R$ 4,3 milhões. Diretora da unidade escolar, Silvana Pedrosa, revela que o prédio de cerca de 40 anos aguardava obra de reforma e ampliação há muito tempo.

“A escola aqui é muito antiga. Eu como diretora estou aqui há 10 anos e a última reforma, que foi de adequação das paredes, da quadra e do piso, foi há 16 anos. E, mesmo assim, ficou inacabada. Por causa da localização, nossa escola é referência no município. Temos 1,2 mil alunos em três turnos, oferecemos ensino fundamental e ensino médio. Aqui sempre focamos no trabalho humano e tenho certeza que essa reforma completa vai melhorar para alunos e funcionários. Todos terão um espaço melhor, salas de aulas, cozinha, refeitório, quadra e área de convivência”.

O prédio vai receber sistema de energia solar com placas fotovoltaicas, modernização do bloco administrativo, construção de novo bloco com 15 salas, refeitório, cozinha, sanitários, revitalização da quadra de esportes, com vestiários e arquibancadas; e iluminação e pintura.

Lucas: “teremos muito orgulho de dizer que estudamos aqui”

Aluno do nono ano do ensino fundamental, Lucas Eduardo Abranches Theodoro, 14 anos, conta da ansiedade das turmas. “Teremos muito orgulho de dizer que estudamos aqui. Sei que ficará ótima essa escola e que ninguém mais vai querer mudar de escola por causa da estrutura. Já ficamos sem água no banheiro, com paredes caindo e várias coisas que atrapalhavam as aulas. Mas, agora, será tudo diferente e vai dar até mais vontade de estudar.

O prédio será completamente modificado para se adequar à comunidade escolar. Entre as alterações estão a demolição de dois pavilhões de salas de aula, a construção de um bloco com dois andares de pavimento e a mudança de local da quadra de esportes.

Asfalto

Reinaldo Azambuja também assinou ordens de início de serviço de asfalto no distrito de Vista Alegre. O governador Reinaldo Azambuja lembrou que a primeira pavimentação em Vista Alegre foi feita por ele, quando prefeito de Maracaju (1996-2004).

A dona de casa Lucélia Morais de Silva, 34 anos, vive há três em uma casa no cruzamento das ruas Azarias Alves Ferreira com a Alexandre Sayd e conta que o asfalto sempre foi objeto de promessa.

“É uma obra muito esperada. Por muito tempo prometiam e não saia. Agora já senti que vai porque meu marido trabalha na prefeitura e lá já foi comunicado dessas obras em parceria com o Governo. Já até sei que serão oito quadras. Estou muito feliz porque vai acabar com a poeira e o barro. Nossa expectativa é muito grande”.

Na outra esquina do mesmo cruzamento, o tratorista Marcos Elicker, 31 anos, também comemora a obra de infraestrutura urbana. “Eu moro aqui em vista alegre há 28 anos. Nasci no Sul e vim para cá ainda criança. Te digo que esse asfalto e essa drenagem são esperados pelo povo há bastante tempo. Então, vai ser muito bom para todos que vivem aqui”.

No município, na rua Ipanema, a movimentação das retroescavadeiras animam moradores do bairro Cambaraí. “Eu não me importo com esse barro que faz agora porque sei que é para um bem maior e que logo estaremos com essas ruas todas novinhas. Faz 12 anos que moro nessa casa de esquina das ruas Ipanema e Bela Vista e o que eu posso dizer é que sempre teve muita enchente. Sempre enfrentamos esse problema. Chovia a água entrava na casa e estragava tudo. Já perdi dois guarda-roupas, máquina de lavar e outros móveis. Quando chovia a noite a gente não dormia de nervoso e medo. Agora, eu acredito que vai melhorar nossas estruturas porque eu estou vendo as obras aconteceram. Nosso futuro será melhor”, afirma a aposentada Nilda Martins da Costa, 70 anos.

Também moradora da rua Ipanema, a professora Franciele Pedroso, 32 anos, crê em mudanças para melhor. “Chega de água e lama entrando dentro de casa”, fala. Ela, que mora há dois anos no endereço, lembra: “já sofremos muito aqui”. “Agora, a expectativa é que a obra termine logo para a gente ficar mais tranquilo”, fala.

O governador também assinou a ordem de início de serviço da obra de ativação de poço tubular profundo e duas estações elevatórias de agua tratada, unidade de tratamento, interligações e urbanização, no valor de R$ 3 milhões.

Ele assinou termo de fomento entre o Governo do Estado e a Associação Cultural Colônia Paraguaia de Maracaju, para construção da nova sede (R$ 178.151,95); termo de acordo para custeio de ações de saúde no Hospital Soriano Correia da Silva (R$ 150 mil por mês); e a liberação de recursos financeiros para custeio de ações de saúde no município (R$ 1 milhão em 10 parcelas)

Reinaldo Azambuja ainda assinou convênio para aquisição de equipamentos semafóricos para atender o Município (R$ 160 mil) e autorizou a licitação da obra de construção de 38 bases dos Lotes Urbanizados no Distrito de Vista Alegre.

Paulo Fernandes e Bruno Chaves – Subsecretaria de Comunicação (Subcom)

Fotos: Chico Ribeiro