Brasilândia terá quase R$ 15 milhões de investimentos em obras de ampliação do sistema de esgoto

Categoria: Geral | Publicado: quarta-feira, novembro 16, 2022 as 07:54 | Voltar

O acesso ao saneamento básico avança cada vez mais no município de Brasilândia, onde a Sanesul (Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul) está investindo mais R$ 14.990 milhões em obras de ampliação do sistema de esgotamento sanitário.

A diretoria da empresa assinou ordem de serviço para ampliação de uma ETE (Estação de Tratamento de Esgoto), execução de 15. 776 metros de rede coletora de esgoto, 725 ligações domiciliares e uma estação elevatória (construção de um RAF novo com capacidade de 20 litros por segundo). Os recursos fazem parte do Programa Avançar Cidades.

O foco da diretoria da companhia é universalizar o setor, conforme o planejamento estratégico estabelecido pelo governador Reinaldo Azambuja que é antecipar a meta fixada pelo novo marco legal do saneamento básico.

Localizada na Costa Leste do Estado, Brasilândia caminha a passos largos rumo à universalização, cuja área de cobertura atualmente é 77,72%.

O plano de investimento da Sanesul prevê que até 2024 todas as residências do município tenham acesso à rede de coleta de esgoto.

Em março deste ano, o diretor-presidente da Sanesul, Walter Carneiro Júnior, esteve com o prefeito Antônio de Pádua Thiago, para tratar dos investimentos em obras de saneamento no município.

O contrato prevê ainda custeio de serviços, materiais e equipamentos para ampliação do sistema de esgotamento sanitário local.

A empresa responsável pela execução dos serviços terá de cumprir prazo de 24 meses para entregar as obras, contados a partir da emissão da ordem de serviço.

Benefícios

Investir na melhoria da qualidade de vida das pessoas é o compromisso da Sanesul, concessionária dos serviços públicos em 68 municípios de Mato Grosso do Sul, que tem levado importantes investimentos a todas as regiões do Estado, obedecendo ao cronograma de entrega de obras estabelecido pelo governador Reinaldo Azambuja.

Prova disso é que quando há investimento em saneamento, há melhorias na saúde, na empregabilidade e no meio ambiente, com impactos positivos na economia e na qualidade de vida da população, sobretudo no aumento do IDH (Índice de Desenvolvimento Humano).

Assessoria de Comunicação da Sanesul
Foto: Divulgação

Publicado por: Joilson Francelino Santana

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.